PORTUGAL V – De norte a Sul pela N2 (Chaves a Faro) Mar/ 2018

Esta viagem iniciará em Chaves, ao norte de Portugal, até Faro no extremo sul de Portugal pela  estrada Nacional N2,  uma das mais antigas rodovias portuguesas.  Deveria se chamar Portugal de cabo a rabo!!  Antes disso sairemos de Fátima, passaremos por Nazaré, Aveiro e Porto.  Em fim, vamos andar de moto, apesar da chuva e frio, mas vamos encarar….      Com a ajuda do Evaldo trocamos o óleo da moto, mais alguns pequenos ajustes, e lá vamos nós….

20180322_181922

Dia 19 de Março –  Fátima a Nazaré – 50 kms – Dia bastante chuvoso e frio.    Saímos de Fátima por volta das 15 horas.    Um frio de arrepiar.     Temperatura variando de 2 a 9º C. Em Nazaré fizemos uma visita ao nosso ilustre amigo de juventude Gilberto Ogleari, que agora reside oficialmente em Nazaré, e que a  mais de 50 anos que não nos víamos, e o Chef Gilberto nos brindou com um jantar regado a vinho.   Muitas conversas,  boas lembranças do nosso tempo de juventude em Cruzeiro do Oeste/PR.

DSCN9940

 

Dia 20 de março –  De Nazaré a Aveiro – 209 Kms –   Viemos pela estrada litorânea, nada de auto estrada.       No caminho vimos a destruição das florestas pelos grandes incêndios do ano passado, não sobrou nada.       Passamos por Figueira da Foz, e as 13:30 horas chegamos no nosso Aveiro Urban Loft, ótimo!   Um almocinho rápido e já fomos ao centro de Aveiro onde tomamos um café com nosso amigo de Campo Grande Jason Duarte, que agora reside em Aveiro.       Depois um belo passeio de barco pela Ria, isso mesmo, RIA,  mistura de água doce e água salgada, que adentram pela cidade.   Depois fomos a praia  da Costa Nova, ver as atrações da praia, as casas coloridas.    A noite, depois de umas cervejinhas, onde conhecemos outro brasileiro que se aventura pelas terras  portuguesas, o Chiquinho,  viajante ciclista pela América do Sul, que  possivelmente passamos por ele nas cordilheiras peruanas.

 

 

Dia 21 de março – Aveiro a Chaves  – 230 kms – Enfim saiu o sol, e as chuvas se foram, mas continua ainda frio, mesmo sendo hoje o inicio da primavera.    Tambem viemos por estradas secundárias, nada de auto estrada.  Passamos por  Figueira da Foz, Porto e Braga com um giro turístico em Porto e Braga.     Depois de Braga,  pela N3 fomos às montanhas a caminho de Chaves, passando pela  Póvoa de Lanhoso, Vieira do Minho, Ruivães e Boticas.   Lugares lindos, estradas ótimas, muita montanha, muito frio, mas  compensadora.     Em Braga almoçamos aquela Bacalhau, e como chegamos  às 16 horas em  Chaves fomos ao centro histórico, passeamos pelas ruas estreitas,  e ficamos sabendo que hoje é o primeiro dia de sol do ano em Chaves, e que a 15 dias atras estava nevando na cidade.

 

 

 

 

Dia 22 de março –  De Chaves á Sertã – 336 Kms – Passando por Vidago, Santa Maria de Penaguião,  Peso da Régua, Lamego, Castro Daire, Viseu, Sta. Comba Dão, Vila Nova de Poiares, Góis, e mais umas trocentas aldeias, vilas e povoados.   Em média a cada 5  quilômetros uma rotatória (mais de 100), nenhum quebra mola,  muitas curvas, sobe e desce, saí umas 50 vezes da Estrada Nacional 2, pois de repente ela se acaba e não conseguia pega-la novamente.   Nossa N2 era quase sempre ao lado da auto estrada, e cruzamos por varias vezes a  auto estradas, por cima ou por baixo, avistando as belas pontes e tuneis. Mas enfim, lindas paisagens, dia ensolarado, um pouco de frio,  boas estradas,  e  esse nortão de Portugal é uma aventura.       Meu GPS me levou a vilarejos, lugares sem saída, e de repente volta a estrada ….    Esses 336 kms valeu por 1.000.   Haja braço!!!

 

Dia 23 de março – De Sertã á Faro – 408 Kms – Chuva o dia todo, a viagem toda, tempo fechado com aquela chuvinha fina.   Hoje deu para andar mais fácil na N2, grande parte com boas retas, e nos últimos 80 kms serra com muitas curvas, mas com um asfalto impecável.  Passamos por Cumeada, Vila de Rei, Ponte de Sôr, Montargil, Mora, Brotas, Montemor, Alcaçovas, Ajustrel,  Castro Verde, Almodovar, Ameixal, São Bras do Aportel e finalmente chegamos em Faro, no Algarve, depois de atravessar a região do Alentejo.   Devido às chuvas, não foi possível fazer algumas paradas interessantes e deixamos de tirar algumas fotos.     Quando a chuva parava um pouco, aproveitamos para algumas fotos.      Na região do Alentejo, vimos muitas plantações de cortiça, nectarina e ameixa, que neste inicio de primavera já estão floradas, cf fotos abaixo.    Em  Ponte de Sôr, foi difícil achar restaurante e a saída da cidade para pegar a N2 ou R2.   O GPS mandava ir para umas quebradas, pedíamos informação e ninguém sabia nada.

 

Dia 24 de março –  fim do nosso trajeto,  depois  um bom descanso  e um bom vinho em Faro, fizemos um tour pela cidade e partimos para Portimão, passando por Albufeira para aquele almoço no Minhos Verde.       Em Portimão, chegamos no nosso preferido Hostel Sao José,  e encontramos com nosso amigo Silvio Gomes da Rocha, onde passamos a tarde conversando sobre nossos bons tempos de Cruzeiro do Oeste, e passeando pela  orla da cidade. O Silvio é um grande artista plástico que leva seus trabalhos por toda Europa.  À noite tivemos aquele jantar de Douradinha Assada regado à vinho.

 

 

 

Dia 25 de Março – De Faro a Almada –  290 Kms –   Desta vez, utilizamos a Auto estrada.

Fim de viagem…

Quilometros percorridos : 1635 Kms.

 

3 comentários em “PORTUGAL V – De norte a Sul pela N2 (Chaves a Faro) Mar/ 2018

Adicione o seu

  1. Parabéns Dilter e Ana pelo blog e pelas viagens!!
    Já nos vimos na Raviera em Campo Grande.
    Estou indo com minha esposa para Portugal e Espanha passear de moto e foi muito legal ver o seu relato, nos deixou mais animados ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: